Uncategorized

Levei no cú

Levei mais uma vez no cú. Literalmente.

Hoje levei a primeira injecção de penicilina deste ano. No ano passado, tive 7 amigdalites; em todas elas, receitaram-me injecções de penicilina, sendo que em algumas dividiram a toma em duas doses (consoante o médico que tá de plantão).


Tão bonita que ela é no papel…

Esta quinta-feira tenho mais uma consulta com o otorrinolaringologista, que diz que preencho os requisitos para uma extracção, mas pretende imunizar-me antes de pensar na operação. Vamos ver. Desde que me conheço como gente que é assim.

Até lá, quem se candidata a realizar uma amigdalectomia caseira? O Gimbras diz que o assunto se resolve com um cutelo.

PS/Prevenir discussões:
Eu sei que cú não leva acento por ser um monossílabo tónico etc etc. Mas acho que a palavra fica mais forte, e o cú é meu, escrevo como quiser.

Standard

2 thoughts on “Levei no cú

  1. Daniel Pina says:

    Sempre li cú com acento. E retirando o acento é quase metade da palavra que se vai, era um pouco triste.

    Desde que levei uma dessas injecções este ano que percebo bem do que falas. Diabo da penicilina não tem nada a ver com as picadinhas das injecções normais auhhh

  2. Tiago says:

    Esse rabo..uiuiiiiiiiiiiiiiiii Já está calejado!! Eu felizmente nunca levei nenhuma e espero não levar nunca.

    Fico a tocrer por ti irmão 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.