Andanças

Parque Biológico da Serra da Lousã

A Lousã tem muito mais que se lhe diga, mas estivemos lá na primeira semana deste ano principalmente pelo seu Parque Biológico, em Miranda do Corvo.

Não conseguimos ver os animais todos, porque o espaço está a passar por algumas obras de renovação, mas chegou para ser uma experiência excelente para todos, especialmente para os pequenos, que adoraram o contacto com os animais e com a natureza.

O parque possui uma quantidade considerável de bichos em espaço livre (delimitado, obviamente), nomeadamente linces, lobos, dois ursos pardos, veados, javalis, cabras… sendo que com estas últimas podemos ter efectivo contacto directo e levar comida fornecida na entrada para comerem das nossas mãos.

Ficamos hospedados no Hotel Parque, que como o nome indica fica mesmo em frente e está relacionado com este. Impecável em todos os aspectos, com zonas de relax puro e muita coisa para a criançada se entreter, e um preço bastante razoável para a qualidade.

No restaurante Museu da Chanfana, que também é gerido pelo hotel, desfrutei da bela especialidade da casa; aqui falo no singular, porque fui o único lambão que apreciei aquele forte sabor a cabra velha.

 

Bastante perto, visitamos ainda um belo exemplar das aldeias do xisto, a aldeia de Gondramaz, que remete a uma verdadeira viagem no tempo, ainda mais acentuada por estar de chuva e sermos os únicos a percorrerem as ruas naquele dia.

Recomendadíssimo e a repetir.

Standard

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.